sexta-feira, abril 20, 2012

E em Gibeom apareceu o SENHOR a Salomão de noite em sonhos; e disse-lhe Deus: Pede o que queres que eu te dê.

E disse Salomão: De grande beneficência usaste tu com teu servo Davi, meu pai, como também ele andou contigo em verdade, e em justiça, e em retidão de coração, perante a tua face; e guardaste-lhe esta grande beneficência, e lhe deste um filho que se assentasse no seu trono, como se vê neste dia.
Agora, pois, ó SENHOR meu Deus, tu fizeste reinar a teu servo em lugar de Davi meu pai; e sou apenas um menino pequeno; não sei como sair, nem como entrar.
E teu servo está no meio do teu povo que elegeste; povo grande, que nem se pode contar, nem numerar, pela sua multidão.
A teu servo, pois, dá um coração entendido para julgar a teu povo, para que prudentemente discirna entre o bem e o mal; porque quem poderia julgar a este teu tão grande povo?
E esta palavra pareceu boa aos olhos do Senhor, de que Salomão pedisse isso.
E disse-lhe Deus: Porquanto pediste isso, e não pediste para ti muitos dias, nem pediste para ti riquezas, nem pediste a vida de teus inimigos; mas pediste para ti entendimento, para discernires o que é justo;
Eis que fiz segundo as tuas palavras; eis que te dei um coração tão sábio e entendido, que antes de ti igual não houve, e depois de ti igual não se levantará.
E também até o que não pediste te dei, assim riquezas como glória; de modo que não haverá um igual entre os reis, por todos os teus dias. 

1 Reis 3:5-13



Lendo a passagem bíblica de I Reis, percebi que somos egoístas. Sim, egoístas. Muitas vezes oramos como se fossemos obrigados ou para pedir apenas bens materiais e esquecemos da coisa mais importante que possamos buscar: intimidade com o Senhor e um coração cheio de sabedoria do Céu.

Se Deus te perguntasse hoje o que você deseja, qual seria sua resposta?

Salomão teve várias opções: riquezas, mulheres ou talvez descanso de seus inimigos, mas desejou algo diferente, o entendimento.

Por essa atitude o Senhor fez mais do que ele pediu. Por que? Porque Deus viu um coração sincero que desejava os conselhos do pai.

Às vezes as bençãos materiais não chegam. No entanto você deve buscar incessantemente por sabedoria, entendimento, discernimento e intimidade.

Enquanto busca o amadurecimento espiritual veem, e a presença de deus se torna cada vez mais real na sua vida.

Creia nisso! Os frutos virão com certeza!

Fique na paz,
Lívia

Um comentário:

  1. Como agradecimento, dedico á minha nova amiga e irmã em Cristo este poema espero que goste.

    A MINHA ALMA É TEU JARDIM.
    Quão belo devo ter o meu jardim,
    Dádiva seu igual que o Pai me deu,
    E por amor do qual Jesus morreu,
    Então há um dever em mim.

    Regá-lo com a minha oração,
    Abri-lo à luz do sol da gratidão,
    Deixá-lo cresces com flor viçosa,
    Com verdura viva e majestosa.

    Da fé, que tudo sara e tudo aquece,
    E os frutos que embeleza e enobrece,
    E assim, abrindo rosas no deserto,
    Seguindo seguro por caminho certo.

    Apregoarei da Graça Redentora,
    A Beleza perfeita e duradoura,
    Que é reflexo e espelho para mim,
    Quão belo devo ter o meu jardim.

    Imagem Sua, e Sua formosura,
    És pelo sangue, ó alma branca e pura,
    Escuta Sua lei, e Seus ensinos, para mim,
    Quão belo devo ter o meu jardim.

    Amá-lo e obedecer, eis o dever,
    De quem quiser tornar-se um puro ser,
    E quando, enfim chegar ao teu portal,
    Recebe-o Senhor, Único ser Imortal.

    Para dizer-lhe com poder: Senhor,
    Lavado estou na Luz do Teu Amor,
    Que é reflexo e espelho para mim,
    Quão puro devo ter o meu jardim.
    Por: António Jesus Batalha.

    ResponderExcluir

Faça uma blogueira feliz e deixe a sua opinião! Obrigada pelo recado e que Deus te abençoe!

Pesquisa aí!

Quem sou eu

Minha foto
Uma jovem que percebeu que não podia fazer nada sem Deus.
Tecnologia do Blogger.

Faça Parte!