sábado, dezembro 20, 2014
Hoje estava lendo uma história de uma viúva e a luta dela para continuar a vida sem o seu marido. Aí pensei, como é difícil seguir a vida após a perda de algo ou alguém importante. 

Fim de ano acho que fico ainda mais reflexiva (hahahaha). Chego a conclusão que há tempo para tudo, até para se lamentar, chorar, mas há tempo para se levantar, viver, 

Quando paro para refletir na vida vejo que, querendo ou não, perdemos algo, passamos por problemas, as vezes somos enganados, traídos... Acho que a grande questão não é o que acontece, mas como reagimos a isso. Você pode ser enganado e decidir confiar em alguém, o que eu não recomendo, pois as pessoas nunca são iguais. Você pode sofrer uma desilusão amorosa e nunca mais amar ninguém. Tudo isso é Luto! 

Viver no luto é permitir que algo dentro de você morra, seja sua vontade de amar, trabalhar, acordar, comer... Sua vida morre com você ainda respirando...

Hoje eu escrevo para te encorajar. Não importa a dor que está sentindo, é tempo de viver, e viver em plenitude, vida com abundância (como a própria bíblia menciona). O desejo de Deus é que tenhamos prazer, não o prazer segundo o mundo, mas o prazer segundo Sua Palavra. 

Agora como ter prazer se não nos permitimos viver? É fato que viver inclui se arriscar, mas se nos acovardarmos perderemos as oportunidades sermos felizes. É melhor dizer "eu lembro" do que dizer "imagina se tivesse acontecido".

O ano não acabou! Viva, ame, coma, passeie, escreva, sonhe! Não feche seu coração para Deus e para vida. 

Reflita!

0 comentários:

Pesquisa aí!

Quem sou eu

Minha foto
Uma jovem que percebeu que não podia fazer nada sem Deus.
Tecnologia do Blogger.

Faça Parte!